Curso Perícia Odontologica Curso Pericia Odontologica

E-mail marketing: a importância de se relacionar com seus clientes


e-mail marketing

Entre as diversas estratégias de marketing digital, o envio e automação de e-mails marketing aparece como uma das ferramentas mais eficientes. Por isso que 99% das empresas ouvidas pelo levantamento “E-mail Marketing Study 2013”, da consultoria Experian Marketing Services, utilizam o e-mail marketing de alguma maneira. No entanto, mais de 70% não fazem isso regularmente ou de maneira correta.

Mas se essa é uma ação tão consolidada em empresas B2C e B2B, por que raramente é usada por profissionais autônomos como cirurgiões-dentistas? Talvez seja por uma dificuldade de se ver como empresa ou pela ideia de que o dentista já fala diretamente com os pacientes e não precisa de outros meios de comunicação.

O único problema é que esse é um conceito ultrapassado. Hoje, os pacientes (assim como todas as pessoas que adquirem um serviço ou produto) querem se sentir únicas, valorizadas e sempre com a porta aberta para a comunicação. Por isso a importância de se relacionar com seus clientes tem crescido e se tornado um grande diferencial dos negócios de sucesso.

Como usar o e-mail marketing para melhorar o relacionamento com seus pacientes

Profissionais de odontologia podem se beneficiar muito usando alguns conteúdos de e-mail marketing para se relacionar com seus pacientes. Lembrar datas comemorativas ou divulgar conteúdo do seu blog são informações interessantes e algo que aumenta o engajamento dos seus clientes.

Por exemplo, você pode investir em conteúdos sobre:

  • Datas comemorativas (Natal, Páscoa, Ano-Novo, Dia das Mães etc.)
  • Aniversário do paciente
  • Dicas e sugestões para garantir um bom tratamento ou após uma cirurgia
  • Resposta às dúvidas mais comuns do seu consultório
  • Divulgação de conteúdos postados no seu blog
  • Novidades no seu consultório (como mudanças de horários, novos aparelhos ou serviços oferecidos)
  • Aviso de quando a próxima consulta estiver se aproximando ou quando você quiser lembrar o paciente de que ele precisa realizar a limpeza dos dentes

Boas práticas no envio de e-mail marketing para pacientes

O início da sua lista de e-mails marketing deve ser com o e-mail que seus pacientes deixaram em uma ficha de cadastro no seu consultório. Depois, ela pode crescer com leads que vieram de materiais ricos que você divulgou ou do seu site.

Uma dica importante é: não compre lista de e-mails prontas. Além de ser considerado uma má prática (quantas vezes você ficou se perguntando como aquele supermercado conseguiu seu e-mail?) também não oferece resultados significativos para o seu negócio. Uma pessoa que não tem ligação com a sua área ou não está procurando um tratamento odontológico pouco irá se interessar por um conteúdo sobre as novidades no tratamento de ortodontia, certo? Então não faz sentido tê-la no seu mailing.

Outro fator é atentar para a segmentação dos seus e-mails, ou seja, garantir que cada pessoa receberá um e-mail que realmente vá fazer sentido para ela e que irá ter um impacto positivo na percepção dela sobre a sua prática. Isso pode ser feito através de uma separação por categorias. Por exemplo, “pacientes” e “converteram no site”; “pacientes de ortodontia”,  “pacientes de implantodontia” e “pacientes de rotina”; “pacientes particulares”, “pacientes de convênio”; “mães”, “pais” etc.

O encaminhamento automático para determinadas categorias é facilitado por ferramentas fantásticas disponíveis na internet – com o MailChimp, Locaweb, e-Goi e o GetResponse. O bom é que essas plataformas também permitem que você insira fotos, vídeos e links que irão deixar o conteúdo do seu e-mail ainda mais atrativo e comunicativo.

Apesar das mudanças nos métodos e ferramentas, a importância de se relacionar com seus clientes continua sendo a mesma: fidelizá-los para garantir que eles irão lembrar de você quando quiserem buscar um serviço semelhante no futuro. Para isso, é interessante estar nos locais onde as pessoas diariamente estão – como no feed das redes sociais, nas buscas do Google e na caixa de correio dos e-mails. Ser visto é também ser lembrado.

 


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.