31ª Turma de Especializaço em Ortodontia 31ª Turma de Especializaço em Ortodontia

Sucesso no consultório odontológico: conheça as 3 necessidades do paciente


Certamente a primeira lição que você aprendeu ao receber seus primeiros pacientes no consultório foi a de que eles são diferentes e imprevisíveis. Cada indivíduo que entra em sua sala para receber seus cuidados têm um problema e comportamentos distintos em relação à sua saúde bucal e à forma de seguir o tratamento ou lidar com o dentista.

Apesar das particularidades, existem 3 necessidades básicas que são levadas em consideração por todos os pacientes que procuram uma consulta odontológica. Você está pronto para conhecer um pouco mais sobre essas exigências e melhorar sua conexão e entusiasmo com seus clientes? Então confira!

Dor zero

É importante lembrar que, antes de planejar o tratamento dentário, é indispensável que você foque no paciente. Sabemos que a consulta ao dentista pode ser motivo de desespero para algumas pessoas. Mais do que um canal ou uma obturação, os pacientes têm expectativas, receios e, principalmente, o medo de sentir dor.

Portanto, trabalhe com zelo e delicadeza para tentar amenizar ao máximo os incômodos do tratamento. Mas seja sincero com seu paciente. É certo que pode haver alguma dor após o atendimento? Existe alguma alternativa para solucionar o desconforto? Lembre-o de que algumas situações e alguns procedimentos acabam causando desconforto, mas que ele é passageiro e antecede mudanças e resultados importantes.

Em caso de procedimentos mais invasivos, estabeleça contato com o paciente no dia seguinte. Mostre que é um profissional que, acima de tudo, se preocupa com quem está sob seus cuidados.

Funcionalidade

Outra necessidade dos pacientes está ligada ao resultado estrutural do tratamento. Por exemplo, se foi colocada uma prótese, ela precisa funcionar corretamente e se adaptar às necessidades do paciente.

No entanto, essa é uma questão delicada: de um lado está você, que realizou seu trabalho com técnica, atenção e dedicação. Do outro lado, o paciente. Para que o seu cliente tenha suas expectativas atendidas, explique todos os detalhes do procedimento antes e durante o atendimento. Não deixe também de falar sobre os cuidados que ele terá que fazer para garantir a efetividade do tratamento e mostre-se aberto a tirar dúvidas. Seja um parceiro de seu paciente.

Beleza

Já não restam dúvidas de que o sorriso é o cartão de visitas de qualquer pessoa. E não são poucos os que querem ostentar a melhor dentição possível. No entanto, é preciso tomar cuidado com as expectativas de quem entra no seu consultório.

Assim como no caso da funcionalidade do tratamento, a beleza estética é uma das necessidades apresentadas pelos pacientes. Aqui vale o mesmo cuidado de manter um diálogo aberto com eles. Explique ao seu cliente a diferença entre o que eles vislumbram e aquilo que realmente pode ser alcançado considerando as especificidades de cada dentição.

O resto cabe a você: lembre-se de que o sorriso que deixará seu consultório será seu portfólio ambulante, a garantia de um paciente satisfeito e elogios que podem resultar em mais trabalho, mais motivação para você e maiores as chances de estabilidade profissional.

E você? Está sempre atento a essas necessidades? De que forma trabalha para alcançá-las no dia a dia do consultório? Escreva para a gente através dos comentários!


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *