Curso Perícia Odontologica Curso Pericia Odontologica

Instrumentais Odontológicos: a lista completa do que você precisa


Instrumentais Odontológicos

A profissão de dentista requer conhecimento técnico e domínio no manejo de seus instrumentos, os quais farão parte de sua rotina durante todo o tempo em que estiver realizando atendimentos.

Dentre esses instrumentais odontológicos, existem aqueles indispensáveis à prática clínica, assim como os que são utilizados para aplicar substâncias específicas. Ambos os tipos são essenciais para um profissional de Odontologia competente.

Listamos abaixo alguns desses instrumentos, explicando a função de cada um deles e sua importância na hora de abrir um consultório odontológico.

Veja então quais são os instrumentos que não podem faltar no seu consultório!

Instrumentais odontológicos para o exame clínico

Nessa categoria, destacaremos aqueles itens básicos que até mesmo os pacientes estão acostumados a ver de tão importantes que são:

  • Sonda exploradora/milimetrada

Os dois tipos de sonda são indispensáveis para o exame clínico. A sonda exploradora é constituída de duas pontas ativas, servindo para detectar falhas na estrutura dos dentes, com uma de suas pontas em gancho para explorar a anatomia dental e detectar cáries e outras falhas estruturais, por exemplo.

A sonda milimetrada, por sua vez, formada também por duas pontas ativas, pode medir nível de inserção periodontal, quantidade de gengiva ao redor do dente, profundidade da bolsa periodontal, ou determinar a característica da superfície do dente.

  • Espelho Clínico

Constituído de cabo e espelho, permite que o profissional visualize a estrutura bucal do paciente, possibilitando uma análise completa e precisa da saúde bucal do mesmo.

  • Pinça de algodão

Como qualquer pinça utilizada por outros profissionais, sua função é facilitar o manejo de materiais. No caso de um consultório odontológico, algodão e brocas são os que mais demandam esse instrumento.

Instrumentos utilizados em procedimentos

Vimos acima itens básicos para qualquer rotina de atendimento, mostrando a função que cada um deles desempenha. Agora, vamos listar instrumentos voltados para procedimentos específicos. Continue acompanhando e veja quais são!

  • Seringa Carpule

Responsável por grande parte do temor de pacientes, mas também como o alívio para muitos procedimentos dolorosos, a seringa carpule é um tipo de seringa apropriada para administrar anestésicos e irrigar canais radiculares.

  • Cuba de borracha e espátula

Diferente das cubas citadas anteriormente, esse tipo de cuba é utilizado para armazenar gesso e alginato, sendo feita geralmente de plástico ou silicone e acompanhada de uma faca para cortar gesso.

  • Moldeiras

Feitas para criar moldes da boca do paciente, são utilizadas para inserir o material da moldagem, podendo ser dos tipos total lisa superior, perfurada inferior e parcial perfurada.

  • Escavadores

Os escavadores são utilizados para escavar dentina cariada, conhecidos também por colher de dentina.

  • Espátulas

Utilizadas para aplicar materiais, a Espátula nº 1, conhecida como de inserção, serve para a colocação de material em cavidades, a nº 7 é usada em diversas aplicações, sendo mais comum na de resina acrílica, assim como a nº 24 que também é utilizada na manipulação de diversos materiais.

  • Cubas de aço

Outro item que não pode faltar em uma sala de atendimento odontológico é a cuba de aço. Nessas cubas, são colocadas substâncias como álcool iodado e solução fisiológica.

—–

Todos esses instrumentais odontológicos, assim como outros mais populares como as brocas, tesouras e bisturis, e aqueles bem específicos como os mais variados tipos de pinças, o sugador de sangue e o sindesmótomo, fazem parte, então, da rotina de profissionais de odontologia.

Gostou desse conteúdo e quer ler mais textos sobre a área de Odontologia? Baixe então nosso Ebook sobre o Mercado Odontológico no Brasil e tenha acesso a um conhecimento completo!


Comentários


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.